E aí! Você vai continuar só postando nas mídias sociais digitais?

E aí! Você vai continuar só postando nas mídias sociais digitais?

Para muitos fazer marketing digital nas mídias sociais ainda é só postar coisas bacanas e imagens bonitas na timeline, stories ou live.

A internet é de todos, democrática – até certo ponto-, nas mídias sociais podemos encontrar qualquer um, de Gisele Bündchen a Maria da Silva, da Mercedes-Benz a oficina do zé.

Todos tem direito a um perfil ou página para trabalhar sua imagem ou marca, fazer o seu marketing pessoal ou profissional.

As grandes empresas e famosos bem assessorados sabem bem disso e aproveitam todo o potencial e visibilidade das mídias sociais digitais para comunicar, ouvir, promover e vender.

Porém a grande massa que utiliza as mídias sociais ainda não se deu conta das muitas oportunidades de negócios que podem ser geradas a partir delas.

Fernanda é proprietária de uma loja de equipamentos e produtos esportivos, um público específico que consome seus produtos.

Sua marca já está no mercado há 07 anos e possui duas filiais em outra cidade.

Fernanda é formada em administração, uma gestora emprenhada com ambições de crescimento no mercado e comprometida com sua marca.

Sua loja fica bem localizada, é aconchegante, tem uma equipe de vendas capacitada e ótimos produtos e serviços.

Mas quando indagada sobre o marketing digital da sua marca Fernando responde – Ah! É nossa vendedora que faz!

Para a empresária trabalhar as redes sociais é algo secundário, que não dever ser investido no momento, algo desnecessário até porque já estão postando coisas.

Assim como a Fernanda muitas pequenas e médias empresas não conseguem enxergar a internet como mais um canal para potencializar suas vendas.

Para encontrar seu público alvo e falar diretamente com quem interessa, e mostrar a proposta de valor do seu negócio.

Costumamos dizer que no marketing digital não existe uma maneira certa ou errada de fazer a gestão das mídias sociais, nós falamos que existe a forma que dá mais resultado e a que dá menos resultado.

Nada é obrigatório! Você tem a opção de fazer ou não.

A questão é que estamos caminhando para um formato de consumo, de informações, produtos e serviços, onde a internet já faz parte do processo de compra e venda, da pesquisa de interesse até a venda e fidelização do cliente.

Quem estiver fora ou off não será capaz de capturar essas oportunidades de negócio.

Fernanda perde diversos clientes diariamente e nem sabe disso.

Eles estão na internet comprando da Netshoes, Centauro, entre outras.

E o problema não é o preço, que é praticamente o mesmo podendo até levar na hora, é a comunicação com o seu público.

A marca de Fernanda não está ingerindo com sua audiência, nem criando relacionamento ou trabalhando sua autoridade dentro da web. Ela apenas está postando coisas.

Provavelmente quando Fernanda se der conta que realmente precisa fazer um trabalho na internet- porque todos fazem- ela irá procurar o filho da amiga que faz designer para criar uma arte, tirar umas fotos e fazer mensagens de bom dia, vai impulsionar a postagem de forma generalizada e usar dezenas de # hashtags que são servem para nada.

E com isso não terá bons resultados e permanecerá incrédula, não fará investimentos no marketing digital da sua empresa e continuará SÓ POSTANDO.

O que muitos não sabem é que existe uma estratégia, um objetivo muito específico atrás de toda postagem, conteúdo e anúncio.

Qualquer empresa tem a possibilidade de fazer um trabalho de marketing digital dentro de suas limitações realizando uma publicidade online capaz de gerar mais oportunidades de negócios.

As redes sociais digitais deixou de ser apenas uma rede de relacionamentos e passou a ser um lugar onde buscamos referências, conteúdos interessantes ou divertidos, realizamos reclamações, compramos produtos, e outras inúmeras possibilidades que facilitam nossa comunicação.

A internet tornou-se parte integrante de nós e do mercado, não haverá regressão somente aprimoramento.

 

Outros artigos recomendados:

Estação Hack. Facebook vai criar um centro de inovação no Brasil
Fim do e-Sedex tornará suas compras online mais caras.
Facebook vem com mais novidades e mudanças. O foco agora são as comunidades.
E aí! Você vai continuar só postando nas mídias sociais digitais?
Sequência de posts indevidos instala crise no Catraca Livre.